O Espelho

Você já parou para pensar no que é o espelho? O que ele reflete revela-nos informações sagradas sobre nós mesmos. Infelizmente às vezes o que vemos refletido no espelho não nos agrada, outras nos agradam tanto que queremos olhar várias vezes.

Agora trazendo o espelho para o nosso lado psicológico, podemos afirmar que o exterior atua como um espelho da nossa mente.

Como assim? É no espelho que vemos refletido várias características da nossa própria essência.

Se pararmos para pensar, iremos perceber que isso que nos incomoda tanto no outro, está ligado a uma característica negativa nossa e que ao ver no outro, identificamos e isso nos incomoda. Isso se chama Lei do Espelho.

Esta lei estabelece que de algum modo esse aspecto que nos causa desgosto em determinada pessoa existe também em nosso interior.
Difícil de aceitar.

A lei do espelho se reflete quando afirmamos conhecer muito bem outras pessoas e, na verdade, o que fazemos é projetar sobre elas nossa própria realidade. Quando ocorre essa situação estamos colocando nossa visão projetada de nós mesmos sobre a imagem física da outra pessoa que é captada por nossos sentidos.

Refletimos no outro aquilo que não lhes pertence, pois é apenas um reflexo da nossa própria identidade, a qual nos incomoda, os lados obscuros que gostaríamos de mudar e talvez sejam tão difíceis, que sequer conseguimos enxerga-los.

Devemos ficar cientes que não só nós refletimos nos outros, como os outros também refletem em nós qualidades e defeitos. Por conta disso, surgem os mal-entendidos, pois o espelho duplica e reivindica de ambos os lados às qualidades e os defeitos das pessoas.

Uma vez compreendida esta lei, podemos usá-la em nosso favor, observando, além dos defeitos que nos incomodam para corrigi-los, também as qualidades dos outros que possuímos em nós. Assim, neste balanço, podemos descobrir quais são os nossos pontos fortes e fracos para atenuá-los ou aumenta-los.

Sempre recordando a premissa que “observar diz mais sobre o observador do que sobre o que está sendo observado”.

Fonte: A mente é Maravilhosa
Segredos para ser Feliz

Faça um Comentário